Uma das estratégias mais viáveis para o convívio com fitonematoides resistentes é o plantio de variedades resistentes.

Nosso portfólio coloca à disposição do produtor híbridos de milho com os mais baixos fatores de reprodução de Nematoides de galhas (Meloidogyne incognita e Meloidogyne javanica) e Nematoide das Lesões Radiculares (Pratylenchus brachyurus) do mercado.

Nematoides de Galhas
(Meloidogyne incognita e Meloidogyne javanica)

► Atualmente a ocorrência desse gênero pode ser considerada generalizada, pois se caracteriza pela preferência por solos arenosos (< 25% de argila).

► O ciclo de vida desses nematoides pode variar de 25 a 40 dias, sendo que nesse período a fêmea pode colocar de 200 a 1000 ovos (em média 400 ovos).

► Estudos apontam que alguns híbridos de milho são considerados fonte de resistência e opção no manejo desse nematoide.

► Sua sobrevivência varia de 6 a 12 meses, reduzindo-se em condições de plantio direto pelo aumento no teor da matéria orgânica e de inimigos naturais no solo.

Nematoides das Lesões
(Pratylenchus brachyurus)

► Ampla distribuição geográfica, ocorrendo na maioria dos países das regiões tropical e subtropical.

► Alto grau de polifagia, ou seja, capacidade de parasitar e multiplicar-se em grande número de plantas hospedeiras, filiadas a diferentes famílias botânicas.

► Em geral seu ciclo é completado em 45-65 dias e, durante esse período, a fêmea chega a colocar cerca de 80 ovos dentro das raízes.

As vantagens oferecidas por estes híbridos vão muito além. Híbridos que não possuem uma forte resistência têm suas raízes parasitadas, absorvendo pouca solução do solo e, consequentemente, maior deficiência de nutrientes minerais. O resultado se vê em espigas pequenas e mal-granadas, diminuindo o potencial produtivo da cultura do milho.

© Copyright 2018 - FORSEED todos os direitos reservados.